[Conto solto] Fim do mundo.

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012 // Postado por Renoth





-Natanael! – Gritou Demi, sem maiores avisos.
Natanael deu um pequeno pulo, e se irritou um pouco. Eram raras as pessoas que tinham o poder de surpreendê-lo e o irritava que justamente Demi o tivesse.
-O que foi Demi?
-Amanha é o fim do mundo? - Perguntou. Seus olhos diziam que era uma pergunta séria, coisa rara vinda dele, e que ele esperava uma resposta igualmente séria.
Natanael revirou os olhos.
 -Como eu vou saber? - Perguntou.
 -Você é um anjo, certo? - Respondeu Demi. – Anjos estão ligados a Deus de um modo diferente dos demônios, assim sendo pode ser que você saiba.
 Natanael suspirou profundamente, se preparando psicologicamente para dar uma resposta. Não seria necessário qualquer tipo de preparo se a pergunta estivesse sendo feita por qualquer outra pessoa, mas Demi não se satisfazia com respostas pela metade.
-O que é o fim do mundo? - Perguntou. – É importante saber o que é algo pra poder saber se algo vai acontecer ou não. -Hum... Acredito que algo relacionado a explosões, fogo, muita água ou zumbis. – Respondeu Demi depois de uma rápida reflexão. – Talvez envolva dinossauros radioativos com armas. – Seus olhos começaram a brilhar. – Ou explosões termo-nucleares de capacidade aumentada, ou...
-Sabe, o problema do fim do mundo é que as pessoas não sabem o que ele é. – Disse Natanael, cortando a diversão de Demi. Seus olhos se perderam olhando pro céu por alguns segundos e logo depois ele voltou a falar. – O mundo de uma pessoa não é o mundo onde elas vivem. O mundo de uma pessoa é quem elas mais amam. Se todos morressem amanha, todos iriam juntos, de mãos dadas, para um outro lugar onde continuariam sua jornada através do tempo.
 -Isso não parece ruim... O fim do mundo seria uma coisa boa então?
-Isso não seria o fim do mundo. – Riu Natanael. – O fim do mundo é perder aqueles que você mais ama, ou aquela única e estranha pessoa que te liga ao chão ao mesmo tempo em que faz parecer que você está voando. Sabe, o mundo de muita gente pode de fato acabar. A verdade é que o mundo de muita gente acaba todos os dias.
-Mas o nosso não? - Riu Demi.
-Talvez sim, talvez não. Mundos não foram feitos para durarem para sempre. É por isso que acho que deveríamos ficar juntos enquanto podemos. – Riu.
-Essa noite?
-Essa, e em todas as outras depois dela.
-Até quando? - Perguntou Demi com um sorriso. Estava ficando corado por causa do frio, então Natanael lhe deu um abraço.
-Até o mundo acabar. – Sussurrou em sua orelha.

1 Comentários

Blogger Rádio AsiaMix comentou...


Yo gostaria de fazer uma parceria com a nossa webradio?
- Nome do site: Rádio Asia Mix
- Url: http://www.radioasiamix.com.br/
- Email: comercial@radioasiamix.com.br
OBS: Parceria pode ser por banner ou player, onde seria melhor por player (não possui autostart).

24 de dezembro de 2012 05:56  

Postar um comentário

Em algum lugar...
Contos e pedaços aleatórios da minha vida. Quase um diário, quase um poema, quase um livro. Se descobrir o que é, favor contactar contando.
Sakura’s warning: não mexam na groselha na geladeira. Grata.

Quem?

Eu? Bem, não há muito a dizer. Cursando o segundo semestre da faculdade de jogos digitais na fatec, e o sexto ou sétimo modulo do curso de computação gráfica da Saga. Um futuro profissional da área de jogos, ou de qualquer outra área que venha a me aceitar. Um pequeno monstro com um grande fraco pelo Konta.

como me achar?

Já tentou me procurar?
Nyah!
Twitter
DA
Tumblr
msn e email pra contato: renoth@hotmail.com

Button




Seguidores


Arquivos

Janeiro 2010
Fevereiro 2010
Março 2010
Abril 2010
Maio 2010
Junho 2010
Julho 2010
Agosto 2010
Setembro 2010
Outubro 2010
Novembro 2010
Dezembro 2010
Janeiro 2011
Fevereiro 2011
Março 2011
Abril 2011
Maio 2011
Junho 2011
Julho 2011
Agosto 2011
Setembro 2011
Outubro 2011
Novembro 2011
Janeiro 2012
Fevereiro 2012
Março 2012
Abril 2012
Agosto 2012
Outubro 2012
Novembro 2012
Dezembro 2012
Janeiro 2013
Abril 2013
Junho 2014


C-box


Créditos