E ainda falta um motivo.

domingo, 13 de novembro de 2011 // Postado por Renoth





Fui ao zumbie walk e virei um monstro bruxo do mal que um dia ainda vai devorar sua alma enquanto você dorme. Estou falando serio, eu vou, enquanto você estiver dormindo. serio.
O emo foi abandonado, e virou um demonio. Culpa do Rolf, culpa da Sakura, culpa da Misaki e culpa minha. Culpa da Emily também. Só não é culpa do Emo, que vai perder a consciencia de si mesmo e virar um ser inocente e pequeno, mas extremamente forte e crédulo em pessoas que vão lhe dizer "está vendo aquele tiozinho salvando o mundo? então, ele é do mal! pega ele!"...
A Roxas me deu umas ideias pro art concept do Ritashi que já deveria ter saido a muito tempo. Ele é um dos meus personagens favoritos e a externização de tudo aquilo que posso achar atraente fisica e psicologicamente. Ele é o protetor e o proteguido, e por isso consegue consiliar com uma destreza que eu não acreditava que existia antes de o criar a minha vontade de proteguer e ser proteguido. Feito por opostos extremos e tristes, de um seme e um uke que na verdade se amariam (na verdade se amam já, mas enfim...) se pudessem ficar juntos. Só que não podem. Somente um pode governar a maquina principal fabricada por Sakura, e enquanto um opera o outro fica no inferno. Não importa se só se passou um dia, meia hora, 2 segundos, o tempo ainda é uma eternidade a ser percorrida. uma eternidade sozinho.
Claro que tem mais coisa que isso, afinal eu sou uma pessoa bem ruim quando o assunto é criar infernos. Penso no que seria mais perfeito, mais aterrorizante pra cada ser. As vezes faço isso sem pensar, com meus amigos ou familiares. Aliás, se você conversa comigo, provavelmente eu já fiz seu inferno.
Não encontrei com a Tsu no Zombie Walk ;~; queria ter encontrado. Não conseguimos marcar porque simplesmente não a acho no MSN, acho isso triste.
Vou começar a mudar de assunto, aleatoriamente. isso porque as vacas não podem voar, entendeu?
oh... wait...
Detesto que tentem me mudar, em termos de aparencia. Não porque eu me considero lindo, sei que não fui o melhor trabalho de Afrodite, e talvez um dos seus maiores erros, mas ainda assim não gosto que tentem mexer nisso, em especial quando me dou ao trabalho de dizer: não vai acontecer. Minhas primas tentaram de todas as formas possiveis me convencer que eu seria o mais belo rapaz sobre a terra se cortasse o cabelo BEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEM curto. Um plus adicinal: elas até escolheram um corte pra mim: Bieber. "claro, vocês vão cortar meu cabelo desse jeito pra me enterrar, né? porque vivo eu não faço essa monstruosidade comigo mesmo nem se vocês me pagarem.", eu disse. Quando uma delas afirmou que tinha muita vontade de me ver de cabelo cortado, respondi: "gosta de cabelos cortados!? corta o seu!". Serio, isso me irrita. mesmo. muito.
Vou explicar, da maneira mais curta possivel, porque eu gosto tanto do meu cabelo comprido e não alisado. Detesto pessoas não originais. Odeio esteriotipos ambulantes sem cerebros. Está na moda cabelo liso? vamos alisar o cabelo. Sabe, isso não combina mais comigo. Eu quero ser eu mesmo, olhar no espelho e me reconhecer e conseguir afirmar: esse sou eu, sem mascaras, sem truques, sem mentiras. Eu já cansei de tentar ser como os outros, bonito como os outros. Claro que num dia ou noutro eu acabo alisando o cabelo por pura diversão, mas isso não significa que eu esteja mentindo, significa que nesse dia em especifico quero parecer um pouco diferente. o lápis de olho também dá esse efeito, mas só as vezes. Eu quero ser eu, e parecer comigo mesmo. Não quero parecer com o Bieber, com a Jolie, tão pouco com a Maria Bethânia, só comigo mesmo. Quero parecer comigo desde que tenho uns 13 anos. Queria ter o cabelo comprido desde essa epoca, mas alguém sempre dizia "ei, você parece uma garota, sabia?" e isso chegava ao ouvido da minha mãe. Ela me apoiava? não exatamente. Dizia que as pessoas tinham o direito de me zoar por isso, afinal era isso que eu passava pras pessoas, e que eu tinha que cortar o cabelo. eu consegui enrolar a todos por um tempo, mas não por muito tempo, e antes que eu pudesse me dar conta lá estava eu cortando meu cabelo beeeem curto. de novo. Agora, eu tenho 18 e sou maior de idade. Isso significa que eu tenho o direito de tomar decisões sozinho e por mim mesmo, e que mesmo não mandando no meu nariz ainda, posso mandar no meu cabelo. Pra mim esse cabelo é uma prova de que eu sou 100% ou ao menos 99,9% eu mesmo. E eu amo ser eu mesmo, diferente e único, embora parecido com a Bethânia em algumas ocasiões.
Se ser eu mesmo significa ser ridiculo, ótimo. ria de mim. tem uma fila inteira fazendo isso nesse momento, então você pode ir para o fim dela e esperar sua vez. Ria alto, por favor. Segundo minha mãe, você tem esse direito, então use-o.
Meu avô está no hospital. cancer. meu bissavô morreu da mesma coisa, e os medicos dizem que pode ser genetico. Fico muito preocupado com a minha mãe, que fuma. como uma chamine, diga-se de passagem. Ela está no Rio de Janeiro nesse momento, visitando-o. Ele não vai durar muito tempo segundo os medicos, mas não temos condições financeiras que me permintam ir vê-lo. É uma pena, mas é a vida. Ou a morte. Culpa da Vanessa, claro. ou melhor, culpa da matematica.
Você não entenderia isso. serio, nem tente.
Estou assistindo Sekai Ichi, um yaoi da mesma autora de Junjou romantica. Claro, não é tão bom quanto Junjou, mas ainda assim, é bom. Meu favorito até agora é um seme chamado Yuu. Ele é o rejeitdo de um triangulo amoroso.
e a minha bateria acabou. lindo. perdi um conto. lindo ao quadrado.
Imagino o quão cansaivo deve ser falar comigo, estar comigo... eu realmente devo ser um tapa na cara da sociedade. de onde isso veio? não sei bem.
Tenho jogado Enzai,  um jogo shota very very tenso, mas que tem cenas fofas.Principalmente um personagem chamado Shion, que é secreto e só se abre quando você consegue terminar a primeira ending do jogo. Ele é o único que ama o Guys desde o começo, e também o único que não liga pra parte sexual das coisas. por algum motivo ironico e desmedido isso me fez ter uma vontade 40 vezes maior de abrir a cena de sexo dos dois. e eu consegui (hohohoho).
olha, vacas do nado sincronizado!!!!!
Eu nado melhor que você. Seu argumento é invalido.

E eu chorei hoje. duas vezes.
Uma durante uma conversa, e outra umas 2 horas depois da conversa. isso porque Sakai Ichi me fez esquecer o assunto por duas horas, se não fosse isso provavelmente imendariamos umas 3 horas de choro. motivo? vergonha. eu não vou me aprofundar muito no assunto aqui, por motivos meio obvios, mas foi realmente ruim. Não pela discusão do assunto em si, isso foi tranquilo. Pensar sozinho é que foi complicado. Minha mente parece programada para dar as piores respostas possiveis ao que penso, o que não é muito divertido. um dos piores pensamentos foi "e o que tem demais em se ver uma foto minha?" a resposta automatica da minha mente foi: "eles podem perceber que é uma foto, não uma montagem pro dia das bruxas. Podem perceber que é isso que eu estou namorando, e o pior, podem espalhar a má noticia."
Claro que de todas as respostas automaticas da minha mente (que falava como se fosse meu namorado) essa foi a mais simpatica. Claro que eu não vou dar todas as outras.
E ainda falta um motivo. Um motivo pra postar esse texto, ou qualquer outro dos rascunhos guardados. um motivo pra escrever, pra desenhar, estudar, ou para acordar.
mas principalmente, falta café. vou fazer um agora, aceita?
então... você já está dormindo agora? =D

6 Comentários

Em algum lugar...
Contos e pedaços aleatórios da minha vida. Quase um diário, quase um poema, quase um livro. Se descobrir o que é, favor contactar contando.
Sakura’s warning: não mexam na groselha na geladeira. Grata.

Quem?

Eu? Bem, não há muito a dizer. Cursando o segundo semestre da faculdade de jogos digitais na fatec, e o sexto ou sétimo modulo do curso de computação gráfica da Saga. Um futuro profissional da área de jogos, ou de qualquer outra área que venha a me aceitar. Um pequeno monstro com um grande fraco pelo Konta.

como me achar?

Já tentou me procurar?
Nyah!
Twitter
DA
Tumblr
msn e email pra contato: renoth@hotmail.com

Button




Seguidores


Arquivos

Janeiro 2010
Fevereiro 2010
Março 2010
Abril 2010
Maio 2010
Junho 2010
Julho 2010
Agosto 2010
Setembro 2010
Outubro 2010
Novembro 2010
Dezembro 2010
Janeiro 2011
Fevereiro 2011
Março 2011
Abril 2011
Maio 2011
Junho 2011
Julho 2011
Agosto 2011
Setembro 2011
Outubro 2011
Novembro 2011
Janeiro 2012
Fevereiro 2012
Março 2012
Abril 2012
Agosto 2012
Outubro 2012
Novembro 2012
Dezembro 2012
Janeiro 2013
Abril 2013
Junho 2014


C-box


Créditos